SOMOS DO CONTRA

Bem vindos a este espaço que se quer acima de tudo de contestação e de humor.
Dizer mal só por dizer.
Bater no ceguinho.
Deitar abaixo pelo prazer de deitar abaixo.
Da politica ao futebol, passando pela religião.
Não queremos e não vamos poupar ninguém.

Vamos então começar que se faz tarde...

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Brilhante

Na prova do Curso de Química, foi perguntado: - Qual a diferença entre SOLUÇÃO e DISSOLUÇÃO?

Resposta de um aluno: - Colocar UM dos NOSSOS POLÍTICOS num TANQUE DE ÁCIDO para que DISSOLVA é uma DISSOLUÇÃO.
Colocar TODOS é uma SOLUÇÃO.

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Terrorismo

Afinal a aterragem, amaragem ou arriagem* (como preferirem) forçada de um avião em Nova Iorque no inicio do ano, foi mais um acto de terrorismo.
A policia americana divulgou esta semana a fotografia das aves responsaveis pela avaria e consequente aterragem, amaragem ou arriagem* (mais uma vez como preferirem) forçada de um avião no rio Hudson, em Nova Iorque.
Ao que tudo indica trata-se de mais um atentado atribuido à Al-Qaeda, as aves (patos) tinham fortes ligações a comunidades islamicas nos EUA e pensa-se que tenham entrado ilegalmente no país.




* se quando um avião poisa em terra é aterragem, no mar é amaragem, no rio (como é o caso) deveria ser arriagem...

Portugal precisa da sua ajuda

Precisamos da sua ajuda!!!
Um Grupo armado auto-denominado ' Mensageiros de A-Ka ' raptou esta manhã um grupo de deputados que se encontrava nos gabinetes da Assembleia da República (felizmente que às 11 horas não estavam lá muitos).
Estão a exigir o pagamento de 15.000.000,00 euros em troca da sua
libertação.
Se não for pago dentro de 24 horas, vão regá-los com combustível e queimá-los vivos.
Estamos a organizar uma colecta e necessitamos da sua ajuda !!!!
Conseguimos até agora:
- 1.580 litros de gasolina Sem Chumbo 95
- 1.320 litros de gasolina Sem Chumbo 98
- 3.125 litros de gasóleo
- 2.175 de gasóleo agrícola
- 578 caixas de fosforos
- 321 isqueiros

Não mandem álcool, pois o mesmo pode vir a ser consumido pelos deputados.
Aceitam-se tambem botijas de gás.
Se você apagar esta mensagem, é porque não tem coração...Por favor, leia e ajude...

PORTUGAL PRECISA DE SI!!!

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Magalhães

No dia em que o Magalhães aguentar isto eu troco o meu velho HP.



Prometo que troco
video

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Num país decente

Num país decente, se se levantassem as suspeitas que agora se levantam sobre o nosso primeiro-ministro, o visado só teria uma atitude digna a tomar:
Rumava a Belém e punha o lugar à disposição - com sorte continuava no cargo afinal o Dias Loureiro continua com membro do Conselho de Estado.
Num País decente se um primeiro-ministro faltasse tanto à palavra como este tem faltado, se mostrasse ser incapaz de cumprir as promessas que faz em campanha, dificilmente teria hipóteses de ser reeleito - mas não temos uma oposição verdadeiramente eficaz é triste mas é verdade.
Num país decente alguém sob suspeita de crimes (graves ou não) seria impedido de se candidatar a um cargo público ou se já o ocupasse seria muito provavelmente suspenso pelas autoridades competentes. Isto se a suspensão não fosse tomada voluntariamente.
Num país decente um arbitro de futebol que errasse como ultimamente erram no nosso país seria imediatamente suspenso e investigado.
Num país decente um dirigente ou clube que fossem suspeitos de corrupção desportiva seriam severamente castigados, como foram em Itália há bem pouco tempo ( e estamos a falar de um país que tem o Berlusconi como chefe do Governo e tem a Mafia e outras preciosidades).

Num país decente mas nunca em Portugal....

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

José Mourinho

O homem pode lá ter os seus defeitos. Pode-se gostar dele ou detesta-lo mas não há meio termo.
Falo é claro do melhor treinador do mundo – não, não é o Carlos Queiroz nem o Camacho – falo do único, do incomparavel do “special one” José Mourinho.

O homem pode ser um pouco arrogante («Arrogante? Sou campeão da Europa e acho que sou especial.»Junho de 2004) mas temos de o reconhecer tem razões para isso. Não são muitos os que se podem gabar de ter um curriculo como o dele e os que o conseguem fazer tem mais trinta ou quarenta anos do que ele.(«A história de Frank Rijkaard como jogador não pode ser comparada à minha. A história dele é fantástica, a minha é zero. A minha história como treinador não pode ser comparada à de Frank Rijkaard, porque ele tem zero títulos e eu conquistei uma série deles.»Fevereiro de 2005)
É provavelmente o único treinador do mundo a ser despedido e tornar-se milionario à custa disso.















Está certo por vezes ele vê-se (ou pelo menos transmite essa ideia) como um deus.












Mas não se pode negar o facto de ele ter tido sempre o maior respeito pelos adversários («O Sir Alex foi mesmo esperto, se assim se pode dizer, ao intervalo, ao colocar alguma pressão no árbitro. Na segunda parte foi apitar e apitar, falta e falta, batota e batota»Janeiro de 2005, depois do jogo com o ManUtd
«Isto não é nada contra Sir Alex Ferguson. Na quarta-feira, depois do jogo estivemos juntos no meu gabinete a falar e a beber vinho. Infelizmente era uma garrafa de vinho muito mau. Quando for a Old Trafford jogar a segunda mão, no dia do meu aniversário, vou levar uma bela garrafa de vinho português»Janeiro 2005
«Alguns clubes são tratados como demónios, outros são tratados como anjos. Não acho que sejamos tão feios que devamos ser tratados como demónios, nem acho que Arsene Wenger e David Dein sejam tão bonitos que devam ser tratados como anjos».Julho 2005
«O Jorge Costa foi inteligente. Tem de continuar o seu trabalho e não ligar a pessoas como o Jaime Pacheco que só tem um neurónio e mesmo esse trabalha mal»Fevereiro 2007)
E podia continuar aqui a falar dele mas quem melhor do que o próprio para isso:

«Eu não sou estúpido. Eu quero ganhar jogos com a minha equipa a praticar um bom futebol, mas o mais importante é ganhar. Acho que as pessoas deviam perguntar-se por que é que o futebol inglês não tem sucesso no estrangeiro. Por que razão as equipas de Espanha, Itália e Portugal ganham provas da UEFA e as equipa inglesas não? Tudo aqui é fantástico, têm fantásticos jogadores, mas o Manchester foi a última equipa a ganhar alguma coisa em 1999.»Agosto 2004
«Como dizemos em Portugal, eles (Tottenham) trouxeram o autocarro e estacionaram-no em frente da nossa baliza. Ficaria frustrado se fosse adepto e tivesse pago 50 libras para ver este jogo. Eles caíam como se tivessem morrido aos cinco minutos de cada vez e demoravam mais cinco minutos quando faziam uma substituição.»Setembro 2004
«Há adeptos que gostam de mim e outros que não gostam de mim. É uma situação normal. Não vamos fazer disso um caso»Setembro de 2004, depois de ter sido cuspido no Chelsea-F.C. Porto
«É mais difícil em Inglaterra. Nas duas épocas no F.C. Porto, quando ganhámos o campeonato duas vezes, era bastante fácil ganhar a liga. Nas primeiras jornadas, em Portugal, ganhámos vantagem considerável na frente. Quando se lidera o campeonato confortavelmente pode-se rodar jogadores e protegê-los e depois usá-los ao mais alto nível na Liga dos Campeões»Novembro 2004
«2.500 adeptos do Everton apoiaram mais a sua equipa que os 35/36 mil do Chelsea. Sinto que os nossos adeptos podem dar-nos um pouco mais»Novembro 2004
«5-4 é um resultado de hóquei, não um resultado de futebol. Num treino de três-contra-três, se o resultado chega a um 5-4 eu mando imediatamente os jogadores para os balneários porque é a prova que não estão a defender bem. Por isso chegar a um resultado desses num jogo de onze-contra-onze é apenas uma desgraça»Novembro 2004, comentando o resultado do Arsenal-Tottenham
«Parece que eles (Arsenal) têm sempre mais dois ou três dias de descanso para recuperarem. Talvez tenha a ver com o calendário da televisão»Dezembro 2004
«Não quero falar sobre isso, pois se o fizer talvez tenha de ir à Liga e gastar algum dinheiro que bem podia empregar nas prendas de Natal.»Dezembro de 2004, sobre o árbitro do jogo com o Arsenal
«Depois do Chelsea quero trabalhar em Itália. É um futebol que não está a viver um bom momento, mas para um treinador é fantástico, porque é o futebol táctico na sua mais pura realidade. E gostava de treinar a selecção portuguesa. Para muitos a selecção é um trampolim, porque é a maneira de se dar a conhecer ao mundo. Eu não preciso, porque eu sou um treinador do mundo, mas seria a melhor maneira de encerrar da carreira. Gostava de conseguir para Portugal inteiro o que consegui com o Porto»Janeiro de 2005
«Tudo o que precisamos é de um grupo forte de jogadores e não de uma estrela de Hollywood. Mas que diabo são os galácticos? A imagem deles vem da sua vida social e a fama como jogadores acaba por ser um acréscimo. Desconfio desse tipo de galácticos. A minha dúvida não diz respeito às suas qualidades como futebolistas, mas ao facto de o ambiente que os rodeia poder vir a influenciar as suas exibições. Prefiro jogadores como o Drogba ou o Paulo Ferreira. Tenho um carro caro, mas não faço colecção. Não sou o tipo de pessoa que gosta de ter dez carros»Janeiro de 2005
«Sou muito mais do Barça do que muitos daqui, pessoas que às vezes querem que perca. Sofri muito nestes anos em que não ganharam títulos.»Fevereiro 2005
«Rijkaard esteve reunido com o árbitro no seu balneário durante mais de cinco minutos. Sei isto porque os meus adjuntos estavam à porta durante a reunião.Fevereiro 2005
«Tenho muito respeito pelos adeptos do Liverpool e o sinal de silêncio não foi para eles mas para a comunicação social inglesa. Na minha opinião, fazem tudo para destabilizar o Chelsea. O sinal de silêncio foi para vocês.»Fevereiro 2005
«A única coisa que é compulsiva em mim, é vir a ser seleccionador português. A minha ideia é trabalhar durante mais 13 anos. Por isso, se dedicar quatro deles à Selecção Nacional, ainda terei nove anos de futebol inglês pela frente.»Março 2005
«Agora, em Portugal, os adeptos do Benfica e do Sporting gostam muito de mim. Sabem porquê? Porque como me fui embora finalmente têm hipótese de ganhar o campeonato»Abril 2005
«Disse que era especial porque tinha acabado de ser campeão e cheguei aqui com o ego no topo. Agora? Está ainda maior!»Abril 2005
«O Liverpool marcou, se assim se pode dizer, porque talvez deva dizer-se que o fiscal-de-linha marcou»Maio 2005
«Ele (Ricardo Carvalho) disse que não me compreendia e eu respondi que ele devia ter algum problema e tinha de fazer um teste de QI».Agosto 2005
«É o Mundo contra o Chelsea. Só estarão pelo Chelsea os meus jogadores, pessoas de Kings Road e de Fulham Road, e 50 mil habitantes da minha terra natal, Setúbal. É o Mundo contra nós.»Setembro 2005, antes do jogo com o Liverpool para a Champions
«Eles têm tantos penalties durante a época que precisam de fazer qualquer coisa diferente...»Outubro de 2005, sobre a forma como Pires tentou marcar um penalty
«Um dia, quando perdermos será feriado nacional. Mas estamos preparados para isso.»Outubro de 2005
«O Wenger tem um problema connosco. Acho que ele é aquilo a que chamam em Inglaterra um «voyeur». É alguém que gosta de observar os outros.»Outubro 2005
«Em Stamford Bridge temos um ficheiro de citações do senhor Wenger sobre o Chelsea Football Club nos últimos 12 meses. E não é um ficheiro de cinco páginas. É um ficheiro de 120 páginas, por isso a nossa reacção é muito forte»Novembro 2005
«Às vezes vemos pessoas lindas sem cérebro. Outras vemos pessoas feias que são inteligentes, como os cientistas. O nosso relvado é um bocado assim.»Fevereiro 2006
«Como se diz batota em catalão? O teatro na Catalunha é de muito boa qualidade e este rapaz (Messi) aprendeu muito bem. Aprendeu a representar»Março 2006
«E como vai ser na terça-feira? Pois...deixem-nos jogar! Sem penalties, sem expulsões! Deixem-nos jogar».Março 2006, antes do Barcelona
«A melhor maneira de parar Messi é jogar com 11 jogadores»Março 2006
«Pressão, para mim, é a gripe das aves. Sinto enorme pressão com o problema na Escócia. Não tem piada e tenho mais medo disso do que de futebol»Maio 2006
«Fiz um erro quando decidi ir ao Brasil. Devia ter ficado por lá mais alguns dias e perder este jogo. Parece que depois de nos sagrarmos campeões é impossível fazer pontos.»Maio 2006
«Espero não ir [à Alemanha, ver os jogos do Mundial-2006]. O patrão está lá e se ele telefonar a convidar-me é difícil dizer que não. Se eu estiver em Portugal vou ter que ir. Por isso vou para muito longe»Maio 2006
«Já não quero ganhar a Taça UEFA. Seria fracassar, pois significará que não se esteve bem no campeonato»Junho 2006
«Olhem para o meu corte de cabelo. Estou preparado para a guerra»Julho 2006
«Makelele não é um jogador, é um escravo»Agosto 2006
«Há quatro equipas inglesas na competição e eu não me lembro de ver o Liverpool ganhar o campeonato inglês. O Manchester foi campeão há quatro anos, o Arsenal há três e nós fomos campeões consecutivos nos últimos dois anos. Estamos no segundo pote e isso para mim é uma situação um bocado tonta»Agosto 2006
«O futebol são 90 minutos. Se apertamos a mão, se nos beijamos, acham que isso é importante?»Agosto 2006, sobre Rafa Benitez
«O lance com o Cech, o contacto, é uma desgraça. Ele tem sorte em estar vivo»,Outubro 2006
«Vamos começar com uma canção que eu ouvi aos adeptos visitantes em dois jogos consecutivos em casa: «4-0 e ainda não cantam.» Porque é que eles não cantam? Estão sempre quietos. Não fico feliz quando 1500 ou 3000 adeptos do adversário dão mais apoio do que os nossos. Agora está a arrefecer. É Inverno e cantar e mexermo-nos é bom para combater o frio.»Novembro 2006
«Só gosto de perder contra os meus filhos, não em coisas sérias»Novembro 2006
«Se olharmos para o fenómeno social e a indústria em que trabalhamos parece-me catastrófico. Estádios vazios e salários em atraso... e nós profissionais, paramos um mês?»Dezembro 2006, sobre a paragem no campeonato português
«Já não podemos (ir ao mercado). O cobertor é curto, mas não posso comprar um maior porque o supermercado fechou. De qualquer forma, estou contente porque o cobertor é de caxemira. Não é um cobertor qualquer»Fevereiro 2007
«Ele [Abramovich] não tem de me dar satisfações. Esta é a sua casa. Este é o seu clube. Ele não tem de explicar por que é que não vem cá. Nós trabalhamos para ele; não é ele que trabalha para nós. Quando ele está de regresso à sua casa pode fazer como lhe apetecer»Fevereiro 2007
«Só há duas maneiras de eu sair do Chelsea. Uma é em Junho de 2010. Termino contrato nessa altura, e se o clube não renovar, é o fim do meu contrato e saio. A segunda maneira é o Chelsea despedir-me, porque não há uma terceira alternativa: aquela em que o treinador decide sair e se vai embora. Nem pensar! Não faria isso aos adeptos do Chelsea.»Fevereiro 2007
«Sim, acho que sou um grande treinador. Não há muitos que tenham feito o que eu fiz. Não digo que sou o melhor: acho que isso não existe. O que fiz em Portugal foi único. Ninguém fez o que o que eu fiz na história do futebol português, por isso sou o melhor na história do meu país. Acho que é suficiente. Portugal não é o terceiro Mundo. Por isso o que fiz lá é suficientemente bom», Fevereiro 2007
«No F.C. Porto não tive guerras com ninguém. Bem pelo contrário. Vivemos uma época fantástica. Se a minha saída não foi pacífica, é outra história. Aqui no Chelsea também não tenho guerras com ninguém. Tenho um projecto, que passa por garantir o clube entre os maiores do Mundo em 2010. Estamos em 2007, por isso ainda tenho muitos anos pela frente aqui»Março 2007
«Às vezes posso dizer asneiras, mas trata-se de palavras que digo 50 vezes durante um jogo. Digo asneiras 10 vezes em cada 15 palavras. Digo asneiras quando a bola bate no poste»Março 2007
«Adoro o clube e adoro o futebol de Inglaterra. E, já agora, também disse na escola que gostaria de manter as inscrições dos meus filhos»Abril 2007
«Depois de vermos os dois últimos jogos do Manchester United em casa, ficamos algo apreensivos porque me parece que existe uma regra especial. Uma regra que impede a existência de grandes penalidades contra a equipa deles»Abril 2007
«Isto nem é um jogo de palavras entre mim e ele (Cristiano Ronaldo). É um jogo onde um miúdo fez algumas declarações onde não demonstrou maturidade nem respeito. Tem talvez a ver com uma infância difícil, sem educação apropriada. Talvez seja uma consequência disso»Abril 2007
«Só temos 15 jogadores e o Hilário não é mau no meio-campo»Maio 2007
«Tenho uma boa vida, filhos saudáveis, uma família feliz e muitos amigos. Se amanhã me despedirem fico milionário e tenho outro clube a pretender-me, por isso vou estar pressionado porquê?Março 2007
«Depois de tudo o que aconteceu esta época, considero-me um bom perdedor»Maio 2007
«O cão está bem em Portugal. A grande ameaça está longe. Não têm de preocupar-se mais com o crime»Maio 2007
«Do meu ponto de vista, ele (Avram Grant) não deve interferir no meu poder no que concerne ao meu trabalho.»Julho de 2007
«Sem ovos, não há omoletas. No supermercado há ovos de classe 1, 2 e 3 e uns são mais caros e dão melhores omoletas. Quando os ovos de classe 1 estão no Waitrose e não conseguimos lá chegar, temos um problema»Setembro 2007

Champions
Taça UEFA
Liga Portuguesa (2)
Taça de Portugal
Supertaça de Portugal
Campeonato Inglês (2)
Taça da Liga Inglesa (2)
Taça de Inglaterra
Supertaça de Inglaterra
Supertaça de Italia
Não chega??

quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

Rio Ave vs Sporting

Paulo Bento: «Alcançámos vitória com golo irregular»
TÉCNICO LEONINO SEM DÚVIDAS SOBRE TENTO DE VUKCEVIC


A onda de erros de arbitragem teve esta noite mais um capítulo em Vila do Conde, onde Vukcevic apontou o golo solitário do triunfo leonino sobre o Rio Ave, num lance em que Paulo Bento não teve problemas em admitir que foi irregular.
"O golo é em fora-de-jogo. Alcançámos uma vitória com um golo irregular. Houve outras situações ao longo do encontro, sobretudo de excesso de agressividade, onde o árbitro optou por um critério largo. De qualquer forma, neste mesmo campo, no jogo da Liga, o Sporting teve um golo anulado", salientou o técnico em declarações à SIC.
Antes, Paulo Bento já havia admitido que o Sporting não esteve particularmente inspirado. "Já no campeonato tínhamos sentido dificuldades. Fomos seguros defensivamente mas não tanto em termos ofensivos. Não fizemos uma boa exibição. Imprimimos um ritmo lento. É verdade que as melhores oportunidades nos pertenceram, mesmo sendo poucas", frisou.



Vukcevic: «Interessava ganhar e não sofrer golos»
MÉDIO MONTENEGRINO LEMBRA QUE NÃO É ÁRBITRO

Vukcevic sobressaiu como figura do Rio Ave-Sporting por ter sentenciado o jogo beneficiando de posição irregular mas, nos livros, só ficará registada mais uma partida em que o montenegrino foi preponderante. E, à falta de Liedson, o 10 entrou e decidiu.
“Sabíamos que seria um encontro difícil mas ganhámos. Foi importante mantermos esta senda de vitórias seguidas e, ao mesmo tempo, continuar a não sofrer golos. Agora, para terminar a fase de grupos, pretendemos bater o P. Ferreira; depois, o grande objectivo é conseguirmos atingir o 1.º lugar”, sublinhou o internacional à SIC, acrescentando: “Não sei se foi em fora-de-jogo porque não sou árbitro, para mim só interessava concretizar aquela oportunidade. Pode ser que sim mas, nesta altura, apenas sei que ganhámos 1-0.”
Em paralelo, Vuk confirmou que todos os problemas fazem parte do passado: “Estou feliz, jogo cada vez mais e só quero mesmo isso... Acabou tudo e agora só pretendo continuar a ajudar o Sporting a ganhar jogos e a conquistar o campeonato.”

(Fonte: Jornal Record)

É verdade desta vez (e ao contrário do que é habitual) o Sporting foi beneficiado, em apenas um lance é certo mas com influencia no marcador.
Mas há duas conclusões a tirar das declarações no final do jogo:
1.º - Paulo Bento que tanto criticou as arbitragens ao longo da época foi HOMEM para reconhecer que o Sporting foi beneficiado. Ao contrário de uns e outros que nunca o assumem mesmo quando são levados ao colo.
2.º - O Sporting não tem grandes alternativas nos flancos atacantes. Foi preciso entrarem o Izmailov e o Vukcevic para se ver alguma coisa de jeito no ataque do Sporting.


Mais uma ou duas notas:
- Ronny - normalmente não sou fã do menino mas ontem gostei de o ver jogar;
- Pedro Silva - seguro a defender, excelente no apoio ao ataque (péssimo a rematar - mas não se pode ter tudo) e levou porrada da grande - não tenho os dados mas acho que ontem levou mais porrada que o coitado do João Moutinho (a vítima preferida nestes casos)
- Hélder Postiga e Tiui são incompatíveis em campo. Caiam invariavelmente para o mesmo lado do terreno encurtando a frente de ataque.

E acho que, resumindo, é só isto que tenho a dizer do jogo de ontem: o Sporting jogou mais e melhor mas só ganhou com a ajuda do arbitro.

XIIIII!!!!!!!!!!!!!!! ESQUECI-ME isto é um blogue para dizer mal. Então cá vai disto:
Gostei da atitude do Rio Ave jogaram "à Benfica" (ou pelo menos como o Benfica jogou da última vez que perdi o meu precioso tempo a ver um jogo deles) isto é toda a gente a defender e rezar para marcar um golo das poucas vezes que se chega lá à frente.

perceberam .... ou querem que faça um desenho?

Já agora desculpa Tonho mas não consigo dizer mal da minha equipa.
Já da tua é muito fácil ;)

quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

E viva a bola

Um post dedicado aos adptos dos três grandes


Só podia...


E ainda....



Eis o porquê da Televisão ter o dever de transmitir mais jogos do SL Benfica...
Nada é por acaso... Tudo tem explicação.
Tudo fica compreensível se atendermos a alguns dados estatísticos:
Quando os jogos do FC Porto são televisionados:
* o movimento do comércio do Porto cai 35%
* o movimento dos restaurantes cai 40%
* o movimento nas ruas do Porto cai 89%
* os centros comerciais têm uma queda de movimento de 62%
* os clubes sociais, os hipódromos, a bolsa de valores e as lojas finas: queda de 96%
* diminui em 89% a circulação de veículos das marcas Porsche, Mercedes, Ferrari, Maserati, Volvo, Jaguar, Cherokee, Audi, Honda, BMW...

Quando os jogos do SPORTING são televisionados:
* o movimento dos cinemas, museus e fóruns culturais diminui 80%
* a produção dos membros do Governo e da Assembleia da República diminui 68%
* o Presidente da República manda dizer que não está
* o Presidente da Comissão Europeia manda dizer que não está
* o Presidente da Câmara Municipal de Lisboa manda dizer que não está
* o "lobby" de Macau que manda no PS fica temporariamente inactivo
* o pretendente ao trono e os monárquicos dizem palavrões
* em resumo, o País fica ingovernável.

Quando os jogos do SL Benfica são televisionados:
* os assaltos à mão armada diminuem 79%
* redução de 62% dos assaltos nos semáforos
* os assassinatos caem 74%
* o movimento de travestis diminui em 99,9%
* os sequestros sofrem uma redução de 78%
* os motins nas cadeias caem 91%


Assim se entende a preferência por transmissões de jogos do SL Benfica


e pra ninguém se ficar a rir:

Hipocrisia



Sempre que oiço falar dos casos de comportamentos menos próprios de alunos contra professores que acabam no YOUTUBE há uma coisa que me chama a atenção:

Eu não vejo ninguém criticar os alunos pelo comportamento lamentável. Porque sejamos francos, violência e má-educação dos alunos para com os professores sempre houve não é um fenómeno novo. Todos nós conhecemos ou assistimos a casos desses.

Uma pistola de plástico é inofensiva quando comparada com facas (assisti a mais do que um caso desses) ou pistolas a sério (não assisti mas mais do que um amigo me contou histórias assim).

O que verdadeiramente me indigna é que as criticas recaem invariavelmente sobre os alunos que usam os telemóveis na sala de aula. Ou seja o que dizem é: "Façam o que quiserem, batam, ameacem, ofendam. Mas não filmem nem ponham os vídeos na net que ninguém precisa saber que há violência nas salas de aula"

Já agora uma pergunta:

Se não tivessem posto o vídeo na Net o que é que acontecia aos alunos da escola do Cerco que ameaçaram a professora com uma pistola de plástico?

Maria de Lurdes Rodrigues

De todos os ministros do actual governo, nenhum reúne tanto consenso como a titular da pasta da educação.
Maria de Lurdes Rodrigues é detestada tanto por professores como por alunos.

Alguns chegam mesmo a chama-la de "bruxa" (entre as coisas mais simpáticas).
A verdade é que a Sra. Ministra é incompreendida, apenas isso.
E aqueles que a criticam... tem razão... A senhora tem algumas politicas que não se compreendem lá muito bem...


Eu até concordo com a avaliação dos professores


E criou formas de todos os alunos perceberem as matérias leccionadas.

Mas tem o apoio dos colegas de partido e de governo
Mas convém dizer que também apoia o seu chefe


terça-feira, 13 de janeiro de 2009

Manuela Ferreira Leite

Já que todos resolveram bater no Sócrates para ser do CONTRA, vou bater na Manela.
Mas como não sei o que dizer de mal da santa da mulher, invento qualquer coisa:


Ela só faz promessas que sabe que pode cumprir:


























Tem um discurso fluido e ponderado. E sabe sempre o que dizer e quando o dizer :

2 de Julho de 2008: "A família tem por objectivo a procriação."

1 de Novembro de 2008: "As grandes obras públicas só ajudam a combater o desemprego de Cabo Verde e da Ucrânia."

12 de Novembro de 2008: "Não pode ser a comunicação social a seleccionar aquilo que transmite."


17 de Novembro de 2008: "Não sei se a certa altura não é bom haver seis meses sem democracia, mete-se tudo na ordem e depois então venha a democracia."





É bem parecida e tem o porte de uma rainha
Tem uma forte base de apoio popular












Mantém excelentes relações com o Presidente da Republica





















Em resumo é de gente assim que o país precisa para avançar.
Não sei, digo eu...
Vocês já pararam para pensar porque é que Sua Excelencia o Senhor Primeiro Ministro Engenheiro (ou não) José Socrates Pinto de Sousa, insiste tanto em certas promessas e façanhas do seu Programa de Governo?
Tudo tem ou há-de ter uma explicação logica.

Por exemplo:
O inglês nas escolas desde o 1º ciclo do ensino básico. Porquê? Para evitar que provas como esta se repitam:





ou ainda frases como esta:

José Sócrates - Prova prática de Inglês Técnico:
«The clima moves are obliged to have quantified objectives or else we that live in the Middle-West will not be pleased. Pós-Quioto demands that we do more. As a Latino dictate says: «O tempora, o mores», meaning that the weather will better if we try harder as an Avis salesman. Remember that we are the world. Quoting a policeman that is now in Lisbon, I hope the united-statesians love their children too».

Texto indecentemente roubado do Espuma da mente (e eu por minha vez indecentemente roubeio-o ao http://ferrao.org/ )


Mas continuando com as promessas e suas razões de ser:

O "Choque Tecnologico":

SÓCRATES COMPRA UM COMPUTADOR E... TELEFONA VÁRIAS VEZES AO MARIANO GAGO PARA O AJUDAR A USÁ-LO:

-Mariano? É o Zé Sócrates. Oh, pá, ajuda-me aqui. Comprei um computador, mas não consigo entrar na Internet! Estará fechada? Aquilo fecha a que horas?

-Zé, meteste a password?

-Sim! Quer dizer, copiei a do Pinho.

-E não entra?

-Não, pá!

-Hmmm....deixa-me ver... qual é a password dele?

-Cinco estrelinhas...

-Oh, Zé!...Fo...-seeeeee....Bom, deixa lá agora isso, depois eu explico-te. E o resto, funciona?

-Também não consigo imprimir, pá! O computador diz: "Cannot find printer"! Não percebo, pá, já levantei a impressora, pu-la mesmo em frente ao monitor e o gajo sempre com a porra da mensagem, que não consegue encontrá-la, pá!

-Fooo .... -seee....Vamos tentar isto: desliga e torna a ligar e dá novamente ordem de impressão.

Sócrates desliga o telefone. Passados alguns minutos torna a ligar.

-Mariano, já posso dar a ordem de impressão?

-Olha lá, porque é que desligaste o telefone?

-Eh, pá! Foste tu que disseste, estás doido ou quê?

-Fooo .... -seee...Dá lá a ordem de impressão, a ver se desta vez resulta.

-Dou a ordem por escrito? É um despacho normal?

-Oh, Zé...Fooo....Eh, pá! esquece....Vamos fazer assim: clica no"Start" e depois...

-Mais devagar, mais devagar, pá! Não sou o Bill Gates...

-Se calhar o melhor ainda é eu passar por aí...Olha lá, e já tentaste enviar um mail?

-Eu bem queria, pá!, mas tens de me ensinar a fazer aquele circulozinho em volta do "a".

-O circulozinho...pois.... Bom...vamos voltar a tentar aquilo da impressora. Faz assim: começas por fechar todas as janelas.

-Ok, espera aí...

-Zé?...estás aí?

-Pronto, já fechei as janelas. Queres que corra os cortinados também?

-Zé, olha para a porra do monitor e vê se me consegues ao menos dizer isto: o que é que diz na parte de baixo do écran?

-Samsung.

-Mariano?... Mariano?...Desligou....


E já agora diga-se que ser primeiro-ministro tem as suas vantagens

Não paga multas


Nem por fumar nem por nada:


Vinha o Sócrates e uma comitiva de seguranças a caminhar pela rua quando o 1º Ministro se viu apertado para urinar:

- E agora, companheiros, o que faço?

- Faça aí mesmo, senhor 1º Ministro - disse um dos seus assessores. A gente faz uma barreirinha!

Nisso, um guarda que passava viu o acto em via pública.

- Aha! Apanhei-te! Isto é um atentado ao pudor! Oh! Desculpe Senhor 1º Ministro, não vi que era o senhor...

- Não, companheiro, a lei é para todos. O que eu estava a fazer é errado e você vai-me multar e até prender se for o caso.

- Senhor 1º Ministro, não vou prender o senhor...

- Vai sim, se estiver na lei.

- Não, não vou...

- Vai!

- Senhor 1º Ministro... o senhor já fez tanta merda, acha que eu vou prendê-lo por uma mijadinha de nada?...


BOAS TARDES A TODOS...

Energia Negativa

É só isto que tenho a dizer:


video

Mainada

segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Deus





Eu e o Mário (Mr. Nonsense - pra quem não sabe) somos os "hereges" do bando como tal, penso que contam connosco para bater nas religiões.




Por isso cá vai disto:










































E no espirito democratico que nos move, e para evitar que digam que a gente só critica a religião católica (apesar do Deus ser o mesmo para as principais religiões) os próximos são dedicados às três maiores religiões.







E se eu estiver enganado e Deus existe e se tiver senttido de humor é só isto que eu espero dele:



quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

George W. Bush






Agora que ele se foi embora - ou está a ir - e que o seu sucessor não parece - e atenção eu disse NÂO PARECE - tão bronco, fico com uma dúvida enorme:




- quem é que o pessoal dos cartoons vai encontrar para substituir o George W. Bush como vitima dos cartoons?







Verdade seja dita, ele tem um dom natural para ser vitima deste pessoal!




















Melhor do que os cartoons só o original:


Se não tivermos êxito, corremos o risco de fracassar.
Já é tempo de a raça humana entrar no sistema solar.
Não é a poluição que ameaça o ambiente, são as impurezas do ar e da água.
Deveria perguntar a quem me fez a pergunta. Não tive oportunidade de perguntar a quem me fez a pergunta qual foi a pergunta que me fez. ( Austin, Texas, 8.1.01 ).
Penso que se você sabe o que pensa, será muito mais fácil responder à sua pergunta. Não posso responder à sua pergunta. ( Reynoldsburg, Ohio, 4.10.00 ).
A mulher que sabia que sofri de dislexia bem, eu nunca a entrevistei. (Orange, California, 15.9.00) .
A ilegitimidade é uma coisa de que só devemos falar em termos de não a ter. ( 20.5.96 ).
Creio que estamos num caminho irreversível para mais liberdade e democracia. Mas as coisas poderão mudar. ( 22.5.98 ).
Tenho o cuidado de preservar o poder executivo não só para mim, mas também para os meus predecessores. ( Washington, 29.1.01 ).
Comprometemo-nos a trabalhar com ambas as partes para levar o nível de terror a um nível aceitável para ambas as partes. ( Washington, 2.10.01 ).
Sei que em Washington há muitas ambições. É natural. Mas espero que os ambiciosos percebam que é mais fácil triunfar com um êxito do que com um fracasso. ( Entrevista à Associated Press, 18.1.01 ).
A coisa mais admirável da América é que cada um deveria votar.( Austin, 8.12.00 ).
Nós queremos que qualquer pessoa que possa arranjar um trabalho seja capaz de arranjar um trabalho. ( Programa 60 minutos II, 5.12.00 ).
Um dos denominadores comuns que achei é que as expectativas surgem sempre em torno do que se espera. ( Los Angeles, 27.9.00 ).
É importante entender que se houver mais intercâmbios comerciais haverá mais comércio. ( Cimeira das Américas, Quebec City, 21.4.01 ).
Francamente, os professores são a única profissão que ensina os nossos filhos. ( 18.9.95 ).
Iremos ter os americanos mais instruídos do mundo. ( 21.9.97 ).
Quero que se diga que a Administração Bush está orientada para o resultado, porque acredito no resultado de focar a atenção e a energia na educação das crianças na leitura, para que tenham um sistema educativo atento às crianças e aos seus pais, em vez de ter em vista um sistema que rejeita a mudança fará a América ser o que queremos que ela seja, um país de gente que sabe ler e sabe ter esperança. ( Washington, 11.1.01 ).
O sistema de educação pública é um dos fundamentos da nossa democracia. Afinal, é onde as crianças da América aprendem a ser cidadãos responsáveis, e aprendem as habilidades necessárias para tirar vantagem da nossa fantástica sociedade oportunista. ( 15.5.02 ).
A Marte essencialmente está na mesma órbita que nós. Está quase à mesma distância do Sol, o que é importante. Já vimos imagens dos canais, cremos, e da água. Se há água há oxigénio e se há oxigénio podemos respirar. ( 8.11.94 ).
Para a Nasa o espaço é sempre a prioridade principal. ( 5.9.93 ).
O gás natural é hemisférico. Gosto de lhe chamar hemisférico por natureza, porque é o produto que podemos encontrar nas nossas vizinhanças. ( Austin, 20.12.00 ).
Sei que os seres humanos e os peixes poderão coexistir em paz. ( Saginaw, 29.9.00 ).
Temos perdido muito tempo a falar de África, justamente. A África é uma nação que sofre de uma incrível doença. ( Conferência de imprensa, 14.9.00 ).
Já falei com Vicente Fox, o novo presidente do México, para mandar petróleo para os Estados Unidos. Assim não dependeremos do petróleo estrangeiro. ( Primeiro debate presidencial, 10.3.00 ).
O problema dos franceses é que não têm uma palavra para entrepreneur . ( Conversa com Blair ).
Vocês também têm negros? ( Ao presidente brasileiro Fernando Cardoso, Estado de São Paulo, 28.4.02 ).
Afinal, há uma semana Yasser Arafat esteve cercado no seu palácio de Ramallah, claramente um palácio cheio de pacifistas alemães e de todo esse tipo de gente. Agora foram-se embora. Arafat agora é livre de mostrar a sua liderança, e de governar o mundo. ( Washington, 2.5.02 ).
Muitas das nossas importações vêm de fora. ( NPR's Morning Editing, 26.9.00 ).
Entendo que a agitação no Próximo Oriente cria agitação em toda a região. ( Washington, 13.3.02 ).
«A minha viagem à Ásia começa no Japão por uma razão importante. Começa aqui porque desde há século e meio a América e o Japão fizeram uma das maiores e mais duradouras alianças dos tempos modernos. Desta aliança resultou uma era de paz no Pacífico». ( Tóquio, 18.2.02 ).

Confessem lá vão ter saudades dele não vão?

Humor e Politica

Dizem por aí que o pessoal do Gato Fedorento são os novos Herman José da televisão portuguesa.
Mas nem nos seus melhores anos o Herman teve alguma vez uma voz tão activa na vida politica do país. É preciso (perdoem-me a expressão) ter tomates e te-los no sitio para intervir na vida politica do país. Mesmo que seja a brincar, até porque mesmo a brincar se dizem muitas verdades.

O melhor exemplo de que me lembro é a famosa história dos cartazes do PNR, nunca o Herman José faria algo assim. A um tempo humor o melhor que tenho visto e ao mesmo tempo uma critica feroz a um partido politico e ela mesmo uma forma de afirmação politica

O cartaz original do PNR

A versão Gato Fedorento

A colocação estratégica dos cartazes um ao lado do outro.

O melhor que me lembro do Herman enquanto crítica politica foi o P.E.I.D.A. e o P.E.N.I.S. ou as críticas aos impostos elevados que pagava. E aí está uma grande diferença enquanto um olha apenas pró seu umbigo os outros alertam a sociedade para certos riscos e discursos políticos perigosos...

E é isso que faz dos Gato Fedorento o melhor que apareceu em termos de humor. Superiores a todos. Ate ao Herman....